Vou embora

Vou embora e não fica mais nada por dizer, fazer ou tentar. Vou embora porque preciso, independentemente do que possa vir a seguir ou até mesmo a saudade me bater, eu vou embora. Desta vez não vou olhar para trás, muito menos meter a emoção à frente da razão, não eu não tive nem tenho razão é um facto mas já me expliquei perante as minha falhas, já pedi desculpas por tudo o que passou e até pelo que poderia ter dado se eu não tivesse errado, já fui até ao teu encontro, só para te puder ver a última vez e ir embora de consciência tranquila, sabendo que é isso que queres para ti, tendo a certeza sem certeza, que as tuas palavras combinam com a tua reação quando eu apareço. Confunde me a minha incerteza que não mexo contigo, que já não significo nada na tua vida ou até que não te faço falta, mas a minha parte dou por terminada, não me resta mais nada que possa fazer ou motivo algum que me faça permanecer.
Deixo te ir e acima de tudo quero que sejas feliz, se algum dia a saudade bater? Lembra te que estarei aqui. Independentemente do momento ou das voltas da vida.
Mas agora vou embora e não fica mais nada por dizer, fazer ou tentar.

Autor: O tempo é rei, a vida é uma lição !

"Seja humilde, pois até o sol com toda sua grandeza se põe e deixa a lua brilhar"

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s